A Descoberta de Roupas de Baixo da Era Medieval Tardia

A História da Moda se baseia em registros que sobraram das épocas passadas, sejam artísticos, textuais ou peças de roupas originais. Soma-se a isso, o fato de que a área textil é uma das mais difíceis da arqueologia pelo simples fato de que roupas não são fáceis de preservar. Então, cada nova descoberta arqueológica envolvendo Moda é celebrada, e a história pode ser até mesmo reescrita.

Nesta semana, após mais de um ano da divulgação de um pré-relatório, foi trazido ao grande público a notícia de que uma "calcinha" e um "sutiã" datados do século XV foram encontrados nos porões de um castelo da Áustria durante a restauração do mesmo. Até então, as calcinhas mais recentes datam do século XVIII e os sutiãs como os conhecemos hoje tem cerca de 100 anos, embora na Era Império já houvessem predecessores.
A sala onde foi encontrada as peças estava selada desde o 1485 e o ar seco preservou algumas peças de couro (principalmente sapatos) e roupas, algumas quase completas, como vestidos, camisas e calças.

Houve um certo sensacionalismo em alguns sites que publicaram a matéria com o título de "A Calcinha e Sutiã mais antigos do mundo", visto que estas peças do Late Medieval ainda estão sendo estudadas. Houveram peças para sustentar o busto e cobrir a virilha por muitas eras da história. Homens e mulheres usaram roupa de baixo (underwear) como chemises, corpetes, calções ou tangas de variados modelos, eles só não eram tão semelhantes aos dos dias de hoje como os das fotos abaixo.


Outras hipóteses sobre as peças:

O top poderia não ser um sutiã, mas uma roupa de baixo semelhante à um corpete (reparem como a peça se estende para a cintura) onde uma saia poderia ser costurada em sua barra. Reparem também que na lateral há alguns buracos para amarrações. Nessa época os vestidos de baixo podiam ter amarrações laterais ou traseiras para as roupas ficarem bem justas ao corpo. Vale lembrar que no Early Medieval surgiram os primeiros corpetes.

Outra hipótese levantada é que este seria um conjunto para usar durante os dias da menstruação. Observem qua na parte de trás da calcinha existe apenas uma (ou duas) camada de linho e na frente umas 7 camadas bem desgastadas. Porque 7 camadas na parte da frente? 
Há poucos estudos sobre a história da menstruação, mas sabe-se que desde as civilizações pré-cristãs, as mulheres já usavam tampões como os que existem hoje e "absorventes" feitos com diversas camadas de tecido que eram lavados e reutilizados.

Parece meio impossível para nós mulheres, crer que nunca antes houveram sutiãs ou calcinhas, mas infelizmente o tempo não é amigo das roupas. E mais curioso ainda é o fato de existirem imagens mostrando que as mulheres da civilização minóica (3000 a.C.) já usavam peças semelhantes à biquinis para praticar esportes!

Agora nos resta esperar e aguardar pra ver se estas peças são realmente calcinha e sutiã revolucionários; um conjunto para o período menstrual ou um recém descoberto novo estilo de roupa de baixo medieval!

*Originalmente postado em meu outro blog, o Moda de Subculturas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...